Desafio Doce Estante - Jan. Semana 04

Desafio Doce Estante
Semana 03 - Um Romance de Época

  Para essa semana não escolhi apenas um livro, mas 6 livros com tema romance de época 💜. Todos são romances da grande escritora Jane Austen. Adoro esse gênero, alguns acham a escrita da Jane Austen um pouco cansativo, mas eu gosto.Confesso que dos 6 livros só a li a metade,mas pretendo ler todos.
  Tem vários filmes inspirados nos romances dela, esses já assisti a todos!
   Segue a sinopse de cada um deles.

 1-A Abadia de Northanger:  Escrito ainda na juventude de Jane Austen e publicado postumamente, em 1818, 'A Abadia de Northanger' é, sem dúvida, um dos romances mais elaborados da época – uma comédia satírica que aborda questões humanas de maneira sutil, tendo como pano de fundo a cidade de Bath. O enredo gira em torno de Catherine Morland, que deixa a tranquila e, por vezes, tediosa vida na zona rural da Inglaterra para passar uma temporada na agitada e sofisticada Bath do final do século XVIII. Catherine é uma jovem ingênua, cheia de energia e leitora voraz de romances góticos. O livro faz uma espécie de paródia a esses romances, especialmente os escritos por Ann Radcliffe. Jane Austen faz um eloquente contraste entre realidade e imaginação, entre uma vida pacata e as situações sinistras e excitantes que os personagens de um romance podem viver.



2-Orgulho e Preconceito: Jane Austen inicia Orgulho e Preconceito com uma das mais célebres frases da literatura inglesa: 'É uma verdade universalmente reconhecida que um homem solteiro e muito rico deve precisar de uma esposa'. O livro é o mais famoso da escritora — traz uma série de personagens inesquecíveis e um enredo memorável. Austen nos apresenta Elizabeth Bennet como heroína irresistível e seu pretendente aristocrático, o sr. Darcy. O enredo aborda múltiplos aspectos: o orgulho encontra o preconceito e a ascendência social; equívocos e julgamentos antecipados conduzem alguns personagens ao sofrimento e ao escândalo. Porém, muitos desses conflitos conduzem os personagens ao autoconhecimento e ao amor. O livro pode ser considerado a obra-prima da escritora que, com sua refinada ironia, equilibra comédia e seriedade a uma observação meticulosa das atitudes humanas.

3-Mansfield Park: Jane Austen é a maior romancista da literatura inglesa. Em seus romances, criou personagens completamente humanos que experimentam a solidão, o amor, a frustração, a humilhação, o egoísmo, o ciúme e a confusão. Em Mansfield Park , Fanny Price mora de favor na casa dos tios ricos, para onde foi levada aos 12 anos, e aparenta ser uma menina doce e diz 'sim' a todos os caprichos de seus tios e primos. Austen, no entanto, mostra mais uma vez porque merece as honras que recebeu: apesar da aparência frágil, Fanny concentra em si diversos conflitos da alma humana, mostrando-se uma personagem forte e profunda que certamente cativará leitores de diversas idades e contextos sociais. Recheado de dissimulação, Mansfield Park revela a sociedade inglesa do século XIX, com seus costumes peculiares e muitas vezes aprisionadores.

4-Razão e Sensibilidade : Este foi o primeiro romance de Jane Austen. Publicado em 1811, logo recebeu reconhecimento do público. Razão e Sensibilidade é um livro em que as irmãs Elinor e Marianne representam uma dualidade, de maneira alternada, ao longo da narrativa. As expectativas vividas pelas duas com a perda, o amor e a esperança, nos aponta para um excelente panorama da vida das mulheres de sua época. As irmãs vivem em uma sociedade rígida, e ambas tentam sobreviver a esse mundo cheio de regras e injustiças. Tanto a sensível e sensata Elinor como a romântica e impetuosa Marianne se veem fadadas a aceitar um destino infeliz por não possuírem fortuna nem influências, obrigadas a viver em um mundo dominado por dinheiro e interesse. As duas personagens passam por um processo intenso de aprendizagem, mesclando a razão com os sentimentos em busca por um final feliz.

5-Persuasão: Além de constituir um vívido retrato da época, com as convenções e costumes da sociedade rural inglesa do começo do século XIX, Persuasão (1818) conta a bela e sedutora história de Anne Elliot e Frederick Wentworth, que, oito anos depois do rompimento do noivado, reencontram-se em circunstâncias bem diferentes daquelas do passsado.






6-Emma: Ao comentar sobre Emma Woodhouse, Jane Austen brincou com seus leitores ao dizer que Emma é o tipo de 'heroína que ninguém além dela própria iria gostar muito'. Entretanto, ela é irresistível, dona de uma personalidade singular e capaz de despertar no leitor o amor e ódio ao mesmo tempo.
Emma é profunda, talvez por isso seja a única personagem dos seis livros publicados de Austen, cujo próprio nome é também o título da obra. O livro é um ótimo exemplo de sagacidade e ironia, típicos da escrita de Jane Austen, e é considerado por muitos seu romance mais elaborado. A habilidade que a escritora teve em demonstrar os diversos aspectos da natureza humana de forma bastante realista e afetuosa eleva esta obra a uma sátira brilhante.



 Já leram um dos livros de Jane Austes?
Qual livro sobre romance de epóca você me indicaria?

Clique AQUI para saber sobre o desafio.
Todos estão convidados a participarem.

  Não esqueçam de acompanhar o blog pelo: 

Instagram: @blogdoceestante

Facebook: Doce Estante


Tenham um bom domingo!
Beijos

Um comentário

  1. Nunca li nada da Jane Austen, mas quero muito!! Já assisti todos os filmes que se baseiam nos livros e adorei, só falta a oportunidade de comprar os livros... No momento estou me privando de novas compras por ter uma estante bem abastecida de livros abandonados, mas a lista de desejado tá tão grande quanto, hahah

    http://leiturasdeverao.blogspot.com

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita.
Todos comentários serão respondidos com muito carinho.
Volte Sempre.
Beijos
Dayse Ribeiro e Ana Rita

Topo